sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Dedicado .

É, eu te amo! Eu sempre disse que jamais me apaixonaria , mas voce foi quem fez me sentir assim .Como em uma cilada , agora voce tem o controle.A granada está na sua mão.Então, não puxe o pino ,não me deixe .Não agora , nunca mais .Porque a minha vida não te pertence por lei , mas eu quero que  fique com ela .Eu não morreria sem você mas perderia a graça em viver .Sei que a minha vida já era feliz antes de voce , mas agora eu jamais tenho algum motivo para chorar .O fato é que o amor nos transforma .E como .Então por favor , me dê a sua mão e fique aqui . Só aqui.Em nenhum lugar mais . sz

4 comentários:

  1. OONW parabéns PELO SEU ESPAÇO!

    siga -> http://espacodifarias.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Seria maravilhoso se quando nos encontrássemos não precisássemos de palavras, os olhos falariam por si. Doce ilusão.

    Pergunto-me sempre o que significa o amor. O que representa? Mas já adianto que não encontrei respostas satisfatórias.
    Penso que seja algum tipo de egocentrismo, necessidade de admiração, medo do escuro ou algo do gênero. Vou além, talvez seja apenas Darwin, simplesmente “evolução”.
    Para que consciência então?

    A maior parte do amor só se sustenta pela admiração, depois que a paixão se vai.
    Ah, a paixão? É fogo, é loucura, insanidade passageira, uma “doença”.

    Tudo fica tão mais simples e fácil quando se tem todo o amor desejado.
    Porém não se engane, sem reciprocidade, nem o maior amor do mundo seria capaz de aplacar instintos naturais.

    Cheguei vazio, esperando voltar para casa no empty. Quem me dera?
    Se não tenho o que mereço, é porque não fiz o bastante para merecer.

    Somos diferentes demais, nisso concordamos plenamente.
    Odeio sua displicência, sua memória ruim, sua falta de organização, sua desatenção.
    Quer carta branca? Sempre teve.
    Jamais se esqueça, sou apenas uma brisa de vento, só não confunda amor com fraqueza.
    Pois hoje sou seu sol, amanhã posso ser um buraco negro!!!

    Senti frio nesta noite quente.
    Sempre esperamos demais das pessoas.
    Aprendi um ditado valioso: “Exija mais de si mesmo e não espere muito dos outros, assim será mais feliz”.
    Teme pelos meus pensamentos passados,
    Mas você foi meu futuro e não soube o que fazer com ele.
    Luto contra a razão, mas no final sei que a minha razão terá razão.


    Precisava de ar, sua insensibilidade, após me deixar sozinho, deixou-me absolutamente inquieto e atormentado. Tive que me levantar.
    Caminhei por uma hora buscando respostas dentro e fora de mim. Sabe o que encontrei?
    Bem, fora, além de pessoas desconhecidas, chamando-me por nomes que não são nenhuns daqueles pelo qual atendo - pelo menos não fora da cama -, alguns “olhos famintos”, já, dentro, encontrei Culpa, Dor e Insatisfação.

    Culpa por há tempos ter deixado alguém arrasado para trás.
    Dor por não ter o amor que sinto necessidade sentir.
    Insatisfação por dar mais do que tenho recebido.

    Não sinto o calor que por um momento um dia deixou aqui.
    Seu tempo está acabando!!! Infelizmente não acredito em sua habilidade para compreender isto.


    Assinado: Aquele que não existe.

    ResponderExcluir
  3. Quanto tempo !


    'o amor é só o amor '

    ResponderExcluir